top of page

Medidas preventivas para evitar atos ilícitos em condomínios


Veja abaixo algumas medidas preventivas que os condomínios podem adotar para evitar situações de atos de ilícitos:


  • Transparência na gestão financeira: É fundamental que o síndico seja transparente na gestão financeira do condomínio. Os moradores devem ter acesso a todas as informações financeiras, como balancetes, extratos bancários e comprovantes de pagamento.


  • Controle rigoroso das contas: O condomínio deve estabelecer um controle rigoroso das contas. Isso pode ser feito por meio de um software de gestão financeira, que permite que todos os moradores tenham acesso às contas e transações realizadas pelo síndico.


  • Auditoria externa: Realizar auditorias externas regulares é outra medida preventiva que pode ajudar a detectar irregularidades na gestão financeira do condomínio. A auditoria pode ser realizada por um profissional especializado ou por uma empresa de auditoria externa.


  • Contratação de empresa de administração de condomínios: Contratar uma empresa de administração de condomínios pode ser uma boa opção para os condomínios que não têm experiência ou conhecimento suficiente em gestão financeira. Essas empresas podem ajudar na administração do condomínio, incluindo a gestão financeira e a contratação de serviços terceirizados.


  • Revisão das regras de eleição: É importante que as regras de eleição para síndico sejam claras e justas. Uma boa opção é exigir que os candidatos apresentem um plano de gestão financeira antes da eleição, para que os moradores possam avaliar suas propostas e escolher o candidato mais adequado.


  • Responsabilização do síndico: O síndico deve ser responsabilizado por suas ações e omissões. É importante que o condomínio estabeleça um processo claro para lidar com casos de má gestão financeira ou outras irregularidades cometidas pelo síndico, incluindo a possibilidade de demissão ou até mesmo de medidas judiciais.


Ao adotar essas medidas preventivas, os condomínios podem minimizar o risco de situações em que o síndico deixe dívidas pendentes ou cometa outras irregularidades na gestão financeira.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page